100% Natural

100% Pura
100% Saudável
header_right

Variedade e Diversidade

As águas naturais estão intrinsecamente ligadas à cultura europeia e à portuguesa.

A riqueza hidromineral de Portugal é conhecida desde o tempo dos romanos. Já na obra Aquilégio Medicinal, datada de 1726, se dizia “são as águas que correm e que cruzam as entranhas da terra; o sangue que nas veias circula neste material gigante do mundo; e como do vício do sangue procedem vulgarmente as maiores enfermidades quis o autor desta obra... mostrar ao mundo o corpo do nosso Portugal, a pureza deste sangue, examinando os minerais destas veias.”

De facto, a grande diversidade geológica de Portugal reflecte-se na diversidade da composição físico-química das nossas águas minerais naturais e de nascente, o que confere a cada uma um sabor único.

Não há duas águas subterrâneas iguais. Cada água mineral natural e cada água de nascente identificam-se pela origem e pelo percurso singular, bem como pela história do subsolo. Para as identificarmos, não devemos, pois, considerar apenas os componentes maioritários de uma água (bicarbonatos, sódio, cálcio etc.), mas também os oligoelementos que enriquecem cada água em especial e a tornam diferente de todas as outras.

No mercado das águas naturais encontramos diferentes classes de água: a água mineral natural e a água de nascente (sem gás), a água mineral natural gasosa ou gasocarbónica (com gás natural), a água mineral natural reforçada com gás carbónico natural (quando o gás é proveniente do mesmo aquífero, mas em quantidade superior à que tem no momento da captação), bem como a água mineral natural e a água de nascente gaseificadas (com adição de gás carbónico cuja origem não é o aquífero).


Mais Informação

O ciclo da água: A Origem
ÁGUA VEM EMBALAGEM VAI
© APIAM. Todos os direitos reservados.Desenvolvido por Netmais